quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Desabafinho

Pra começar... eu acho que esse blog esta conspirando contra mim! Toda vez que escrevo o post a página expira! E como hoje eu estou num dia muitoputamermo eu não vou mais tentar postar a crônica de antes. Estou a fim é de falar dos estresses mesmo. perdoe-me os leitores, mas acho que estou na TPM, e ja que cheguei até aqui, bora lá!!
Esses dias tem sido muito dificies pra mim, acho que não estou sabendo conciliar a minha vida de Assistente Social com a minha nvida de mestranda, com a minha vida de estudante de cursinho para concurso público, UFAA!!
Eu tava conversando com uma amiga ontem, falando pra ela sobre essa loucura toda que ando vivenciando, quando ela me solta essa: "bem vinda ao mundo dos adultos, finalmente vocÊ vai deixar de fingir que ainda é uma meninha!!"
Bem eu sei que as vezes faço birra mesmo e pareço criança, mas acontece que eu também sei muito bem o que sou hoje. Há alguns meses atrás a idéia de ser adulta me deprimia, mas hoje em dia acho que lido com ela um pouco melhor. Ando percebendo que tuda na vida tem o seu lado positivo, e que ser adulto tem o seu lado bom. Então hoje digo que ser "adulto" é bom e ruim. O então chamado “mundo adulto” me oferece muitas coisas melhores do que eu imaginava.
Há divergencias: me sinto muito stranha em relação a tudo isso. Estou cansada de cobranças, afinal quem paga as minhas contas?? R: Euuuuuuuuuu
Hoje me ligaram cedo e queriam que eu fosse acompanhar uma ação de despejo contra idosos. E lá fui eu, foi-se o meu lado profissional adulto. Quando chegamos lá, cenário: um senhor muuuito idoso sentado a chorar numa cadeira de madeira no portão da casa em que viveu por 14 anos, uma casa de um vão, muiito pobre, com 4 crianças dentro e mais uma senhora também muito idosa, preocupada, sem saber pra onde sua familia iria morar. Meu coração: despedaçado né! Engoli seco e fui até lá, pra tentar explicar pra essas pessoas o que iria acontecer, e tentar arrumar naquele exato momento um lugar pra mandar os idosos( afinal é pra isso que me pagam!). Nossa, tudo muito tenso, eu muito tensa, todos tensossss. A familia foi despejada, pq não tinham r$ 3.100 reais para pagar a caixa economica! ahhhhhhhhhh, socorroooo, dá vontade e morrer diante dessas coisas! E eu linda? Lá, com uma fome desgraçada, acompanhando tudinhoo. E ai quando eu chego em casa as pessoas me cobram um comportamento adulto! Poxa vida, eu sou adultaaaaaaa!! Será que eu preciso chegar mau- humorada em casa todo dia, e reclamando das contas e dos juros do meu cartão de crédito? Poxa, o meu trabalho é muito adultoooooo!
Eu gosto do jeito criança de ser; as crianças nunca perdem a pose, elas não tem inimigos, fazem tudo muito amostra. Brigam, xingam, as vezes se batem, mas são pancadas sinceras, de frente, na cara, anunciando; e depois??? É so gargalhadas; das brigas, das quedas, dos proprios apelidios, que surgiram por causa da briga.
Os adultos são dissimulados, agressivos, quase nunca se enfrentam de frente, as pancadas vem atraves de verbos duros, maldosos. E nem sempre eles saem da boca dos os atiram: eles chegam atraves dos correios dos covardes que insistem em mandar seus mensageiros de socos verbais.
Se é assim prefiro a minha infatilidade, prefiro arriscar ter um olho roxo, tem problema não, na minha casa tem gelo! Prefiro deixar que pensem que sou criança do que ser como certas pessoas que que perderam a essência do frescor de vida e passaram a tentar ser aberrações comportamentais.
Quem me dera ser poupada da presença de alguns adultos!
Eu preciso voltar a estudar com mais prioridade, a tapar meus ouvidos para os cometários maldosos dessa gente que não sabe o que é ser feliz! Eu preciso encontra tempo pra desenhar, e ter passatempos divertidos e saudáveis. Tenho medo de ficar parecida com alguns adultos que conheço. A verdade é que eu ando estressada com tanto trabalho e com tanta coisa pra estudar;
olhem só, nem no meu blog eu escrevo mais direito…
É sempre bom fazer algo que não seja trabalhar vítimas de abusos sexual, trabalhar abuso contra idosos, mulheres, ler, contextualizar, escrever, entender, perceber, analisar e identificar... aff, minha vida tem girado em torno da minha profissão e isso não tem me feito bem!
Não estou reclamando, até por que eu gosto muito de tudo isso. Adoro muito isso tudo e não foi à toa que resolvi estudar e fazer tudo isso à fundo. Mas eu preciso cuidar de mim também, e não tenho feito isso como eu deveria, o meu EU esta precisando de mim, não so de mim, mas essa é outra história...
Bem, voltando pro inicio... eu nem sei e sou adulta, mas de uma coisa eu tenho certeza, Criança eu também não sou!!
“Bem vinda ao mundo adulto! Seria isso”? Talvez. Pode até ser, mas ainda assim, quero conservar um pouco da minha essenci infantil!! Quem sabe eu ja cresci e ninguém percebeu, nem eu mesma??? Bem, se for assim, vou fazer o possível pra não deixar que isso prejudique a minha personalidade, as coisas que gosto, as coisas INÚTEIS QUE EU ADORO, é tudo uma questão de saber dosar...
Bem é isso... um pouco melancólico, reclamão... bem que eu tentei postar uma crônica, mas... o blog não deixou, entãoo, espero que agora ... a net me ajude!
beijos a quem os mereça!
_____

3 comentários:

Laura disse...

Você é brilhante pessoa, brilhante profissional, brilhante em tudo o que faz!!
Não deixe ninguem apagar seu brilho!

narduci disse...

Linda guria!!! Bem vinda ao mundo adulto...sim existe...
Quer voltar a ser menininha do azul e rosa??? Tens namorado? É com ele, que se relaxa...não precisa chegar ao sexo...voltas a ser criança...a rir...a curtir um lugar legal...coisas boas...os animais...o céu...o cheiro gostoso!
Adormeces, acorda outra...vais passar mais um, dois e outros dias de coisas loucas...mas...o namorado cúmplice estará ali, para fazer com que voltes a ser mulher/criança...curta...
Mil beijos!!!!
Laura tem razão:
Ninguem vai apagar seu brilho.

Fabiana Malta disse...

Adoro seus desabafos! Me fazem refletir sobre coisas parecidas tbm! Saudades de tu miga! Deletei meu blog, pq eu não tô numa fase muito de escrever ñ... mas seu link tá aqui salvo no meu e-mail e sempre passarei por aqui tá? Bjooooooo!!!